PG jogos

Novo Honda HR-V 1.5 2023: impressões ao dirigir

honda hrv 2023 impressoes na 2

O Honda HR-V 2023 já chegou e agora pudemos andar no novo SUV compacto da marca japonesa para o mercado nacional, que chega ao mercado em quatro versões com preços a partir de R$ 142.500.

O Novo HR-V chega em duas etapas, com a primeira se iniciando com as versões EX e EXL, que possuem motorização 1.5 aspirada e entregando até 126 cavalos, com as versões Advance e Touring com motor 1.5 Turbo de até 177 cavalos.

Com as versões mais caras chegando em outubro, a Honda iniciou as vendas do Novo HR-V 2024 nas versões de acesso, que oferecem o pacote ADAS conhecido como Honda Sensing, que a marca insiste em adicionar aos nomes das opções.

Tendo conteúdo interessante, a versão EXL se apresenta bem equipada, sendo a melhor opção em preço numa comparação com a EX, enquanto a Touring parece mais apreciável que a Advance.

honda hrv 2023 impressoes na 10

Fabricado em Itirapina, interior de São Paulo, o Novo HR-V é construído em uma nova plataforma com mais ações de maior resistência, assim como com suspensão recalibrada para oferecer mais conforto e estabilidade.

Praticamente com o mesmo tamanho do anterior, medindo 4,33 m de comprimento com 2,61 m de entre-eixos, o Novo HR-V perdeu mais de 80 litros no porta-malas, que caiu de 437 litros do anterior para 354 litros.

Honda HR-V 2023 – preços

  • HR-V EX Honda SENSING: R$ 142.500
  • HR-V EXL Honda SENSING: R$ 149.900
  • HR-V Advance: R$ 176.800
  • HR-V Touring: R$ 184.500

Honda HR-V EXL 1.5 2023 – impressões visuais

Com visual moderno, o SUV compacto da marca japonesa tem um layout fluido, com faróis full LED nessa versão EXL, que traz uma grade frontal preta, sem pintura e frisos horizontais, assim como para-choque com desenho moderno e faróis de neblina em LED.

Nas laterais, o Honda HR-V 2023 apresenta silhueta alta com área envidraçada menor que o da geração anterior, chamando atenção para os retrovisores grandes e apoiado na lataria, com as portas traseiras amplas e dotadas de maçanetas embutidas.

honda hrv 2023 impressoes na 15

Sem quebra-ventos falsos, a impressão de visibilidade do interior para fora é boa, compensando essa ausência.

Na traseira, as lanternas em LED com ligação iluminada entre as lentes dá uma boa impressão ao Novo HR-V, que tem ainda bom defletor de ar no teto e para-choque protegido.

Já as rodas não possuem um desenho atraente, porém, o acabamento escurecido ajuda na pintura cinza, dando um aspecto interessante ao carro.

honda hrv 2023 impressoes na 32

No teto, a antena em estilo barbatana completa o visual, que é bem acertado para sua proposta.

Já no interior, o acabamento tenta compensar plásticos duros com revestimento soft no painel e portas dianteiras, sendo algo esperado para as versões de acesso.

Difusores de ar com ajustes de fluxo são bons, mas o desenho contínuo se perde um pouco no lado do passageiro, dado ser bem nítida as aberturas e as partes fechadas.

O cluster analógico tem boa visualização e o computador de bordo atende, com um volante de boa empunhadura e comandos multifuncionais adequados.

O acabamento cromado envolvendo o console chama atenção, com ar condicionado automático e multimídia dotado de Android Auto e CarPlay, esperados.

Aliás, a multimídia – com tudo, como se pode ver nas fotos – reproduz as imagens do LaneWatch e da câmera de ré, ajudando muito no dia a dia do trânsito.

honda hrv 2023 impressoes na 26

O Novo HR-V EXL tem iluminação em LED para leitura e geral, mas os espelhos nos para-sóis possuem lâmpadas comuns.

Já o porta-luvas tem sistema de amortecimento, enquanto o console tem modo Econ, Brake Hold e o freio de estacionamento eletrônico.

Os bancos são confortáveis e envolventes, mas os dianteiros receberam uma nova estrutura para sustentar melhor o corpo, especialmente no encosto.

Atrás, o banco vem com o Magic Seat ou ULTra Seat antigo, podendo assim levar objetos longos numa plataforma plana ou verticais com os assentos levantados.

Isso ajuda a compensar a perda do bagageiro, uma deficiência do Novo HR-V, ainda mais quando se observa o espaço destinado ao estepe…

Soluções como porta-copos nas portas traseiras e nichos para celulares nos encostos traseiros são bem-vindas.

Honda HR-V EXL 2023 – impressões ao dirigir

honda hrv 2023 impressoes na 9

O Honda HR-V 2023 com motorização 1.5 aspirada, ficou mais pesado que o anterior com mecânica 1.8 aspirada, entregando menos em potência e torque, tendo 126 cavalos nos dois combustíveis a 6.200 rpm e 15,5 kgfm na gasolina ou 15,8 kgfm no etanol, ambos a 4.600 rpm.

O propulsor de quatro cilindros é silencioso em funcionamento, tendo agora duplo comando de válvulas variáveis (VTC) e injeção direta de combustível.

Ao rodar, o Novo HR-V apresenta melhor isolamento acústico que o anterior, ainda que o 1.5 DI VTC se apresente mais em altos giros.

Como se trata de um aspirado, ele requer rotações mais altas para fazer o que deve, apesar do câmbio CVT de sete marchas simuladas o colocar em regimes mais baixos quando o pé é aliviado.

No trânsito, a diferença de força e peso para o HR-V é pouco percebida, com boas saídas – a Honda tem aí um ponto alto em relação a CVT em comparação com outras marcas – com a lentidão típica desse câmbio se apresentando acima dos 3.000 rpm.

Dá para rodar tranquilo aos 1.500 rpm na cidade e a tocada é agradável nesse caso, contudo, na estrada é que se percebe a fraqueza do 1.5 em comparação com o 1.8, exigindo-se mais pé para manter o embalo.

Em ultrapassagens, a rotação se aproxima dos 4.000 rpm, mas com um pouco mais de imediatismo, bota-se 4.500 rpm para ver o outro veículo realmente ficar para trás, mas longe de qualquer esportividade.

honda hrv 2023 impressoes na 11

O HR-V 1.5 é mais dócil e sua tocada, mesmo no modo Sport, faz o 1.5 gritar e demorar algum tempo para entregar uma resposta adequada.

A Honda revelou que a proposta dessa versão do HR-V é a economia e não o desempenho, por isso, o foco é ser mais ameno nas respostas para um rodar mais tranquilo.

Mesmo usando os paddle shifts, não se vai muito além, com o giro batendo pouco depois dos 6.200 rpm, quando ocorre o corte.

Rodando a 110 km/h, o Novo HR-V 1.5 aspirado tem giro na casa dos 2.100 rpm, mantendo-se como esperado para um CVT e motor com foco na economia.

Já a dinâmica de condução é agradável, com direção elétrica leve e responsiva, assim como um ajuste de suspensão adequado, mesmo para pisos ruins, herdando assim o bom comportamento do anterior.

A mescla de maciez e firmeza deixam o Novo HR-V apreciável ao volante, o mesmo em relação aos freios.

honda hrv 2023 impressoes na 44

Já o pacote ADAS centra bem o carro nas faixas e contorna bem as curvas, sendo um auxílio ótimo para longas viagens.

Nesse primeiro contato antes de uma Avaliação NA, o Novo HR-V se mostra um carro bom, que peca mais pela falta de motor e espaço no bagageiro.

Honda HR-V EXL 1.5 2023 – Galeria de fotos

 

google news2Quer receber todas as nossas notícias em tempo real?
Acesse nossos exclusivos: Canal do WhatsappeCanal do Telegram!

O que você achou disso?

Toque nas estrelas!

Média da classificação / 5. Número de votos:

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.


Últimas Notícias



unnamed
Autor: Ricardo de Oliveira

Com experiência de 27 anos, há 16 anos trabalha como jornalista no PG jogos, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz testes e avaliações. Suas redes sociais: Instagram, Facebook, X

PG jogos Mapa do site