PG jogos

TOP 6: Os maiores roubos a carros-fortes do mundo

carro forte dinheiro

Carros-fortes carregam enormes quantias de dinheiro, em qualquer país do mundo.

Eles tem vários dispositivos de segurança, para impedir que alguém roube o valioso conteúdo que existe ali dentro, como blindagem pesada, cofres boca de lobo (onde não é possível extrair o dinheiro no meio da rua, e sim somente na central da empresa) e também cofres que só podem ser abertos quando recebem uma solicitação remota da central de gerenciamento da empresa.

Mas mesmo assim, em alguns casos, bandidos conseguem essa proeza. É claro que alguns roubos notáveis aconteceram em épocas antigas, onde a segurança destes veículos não era tão boa como hoje, e foi em ocasiões assim onde alguns aproveitaram para ficar milionários.

Vamos ver os cinco maiores roubos a carros-fortes no mundo inteiro.

Confira:

Roubo a um caminhão do correio perto de Boston, em 1962

Em agosto de 1962, dois homens com uniformes policiais fizeram um desvio em uma rodovia perto de Boston, jogando o caminhão do correio para um trecho sem saída.

Armados com metralhadoras, eles bloquearam o caminhão com carros de polícia falsos e desarmaram os guardas. Conseguiram levar 1,5 milhão de dólares, equivalente a 12,5 milhões de dólares em dinheiro de hoje.

O dinheiro nunca foi recuperado, e um mafioso de Boston escreveu um livro dizendo que o responsável pelo roubo foi John Red Kelley, que recebeu 80% do valor depois que o dinheiro foi devidamente lavado.

Roubo na padaria do Brooklyn, em 1969

Em novembro de 1969, três guardas dirigindo um carro-forte pegaram 2 milhões de dólares em um circuito de corridas ali perto.

Então, eles pararam em uma “deli”, uma espécie de padaria americana, para comer. Cada um saiu separadamente, como as regras exigiam. Mas quando o primeiro voltou com sua comida, encontrou os outros dois rendidos por bandidos.

Eles foram algemados, e os bandidos dirigiram o carro-forte até um local ali perto, onde transferiram o dinheiro para um carro bege. Mas como havia muitas pessoas na rua vendo o ocorrido, eles levaram apenas 1,37 milhão, e deixaram 700.000 para trás.

Os ladrões nunca foram identificados, e o valor levado é equivalente a mais de 11 milhões de dólares hoje.

Roubo em Brentwood, Pennsylvania, em 1982

No ano de 1982, dois homens entraram em um depósito de valores informando ao guarda que eles eram do FBI, investigando um roubo que ainda iria acontecer naquele dia.

Quando chegaram bem perto, tomaram a arma do segurança e o algemaram. Em seguida pegaram 2,5 milhões de dólares que estavam em um carro forte, mas deixaram outros 55 milhões de dólares que estavam no local naquele momento.

Até hoje ninguém foi sentenciado pelo crime, com valores que hoje seriam de mais de 7,7 milhões de dólares.

A vingança do motorista de carro-forte, em 1997

Philip Noel Johnson era um motorista de carro-forte já por 10 anos, suando por muitas horas todos os dias, para ganhar 7 dólares por hora. Ele estava sempre reclamando da vida, de várias oportunidades perdidas, etc.

Até que em março de 1997, ele dirigiu seu carro-forte até uma garagem da Loomis Fargo & Co. em JacksonVille, Florida, onde dois de seus colegas estavam colocando dinheiro no cofre. Ele os algemou e começou a encher o carro de dinheiro, chegando a um total de 22 milhões de dólares.

A polícia então descobriu que ele estava planejando o assalto já por cinco anos. Ele então foi encontrado seis meses depois quando tentava entrar do México de volta para os EUA. Levou uma sentença de 25 anos. Cerca de 18 milhões de dólares foram encontrados em um local de armazenamento que ele tinha na Carolina do Norte.

O dinheiro que ele roubou é o equivalente hoje a mais de 40 milhões de dólares.

Dia de neve em Rutland, Vermont, em 2002

De manhã bem cedinho em janeiro de 2002, um bandido mascarado rendeu os dois guardas do Berkshire Armored Car Services Depot, em Rutland, Vermont.

Ele conseguiu levar 1,9 milhão de dólares, equivalente hoje a 3,1 milhões.

A polícia conseguiu encontrar uma parte de uma digital do ladrão, mas ele nunca foi encontrado.

Joelheiros dizem que perderam 100 milhões de dólares, em 2022

Um assalto que aconteceu em 2022, no Sul da Califórnia, tem valor na casa dos 100 milhões de dólares.Isso pelo menos é o que afirmam os donos dos itens roubados.

Sem dúvida, foram milhões de dólares de jóias caríssimas, levados de um carro-forte. Ele foi roubado no dia 11 de julho de 2022, quando o veículo tinha acabado de passar no local do evento “International Gem and Jewelry Show” em San Mateo, ao sul de São Francisco.

O carro-forte estava indo para um outro evento, no Pasadena Convention Center, quando ladrões conseguiram levar uns 30 sacos de jóias.

Os donos dos itens levados dizem que o prejuízo é de mais de 100 milhões de dólares, mas a empresa dos carros-fortes diz que não passa de 10 milhões, de acordo com as informações que foram arquivadas antes do transporte dos itens. O seguro da empresa só cobre os valores ditos nos contratos, então são apenas os 10 milhões que serão pagos mesmo.

google news2Quer receber todas as nossas notícias em tempo real?
Acesse nossos exclusivos: Canal do WhatsappeCanal do Telegram!

O que você achou disso?

Toque nas estrelas!

Média da classificação / 5. Número de votos:

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.


Últimas Notícias



Autor: Eber do Carmo

Fundador do PG jogos, com atuação por três décadas no segmento automotivo, tem 18 anos de experiência como jornalista automotivo no PG jogos, desde que criou o site em 2005. Anteriormente trabalhou em empresas automotivas, nos segmentos de personalização e áudio.

PG jogos Mapa do site