PG jogos

Honda Bros 160 (2015-2023): preço, detalhes, motor, consumo

Bros 160
Bros 160

A Bros 160 surgiu em 2015 como uma evolução da Honda NXR 150 Bros, que foi descontinuada pouco depois, ficando assim a moto com 160 cilindradas e três modelos produzidos ao longo do tempo.

A trail pequena da Honda é a menor opção do segmento na marca japonesa e é um dos produtos mais vendidos do fabricante desde o lançamento da Bros, sendo uma moto versátil.

Com motor compartilhado com a CG 160, a Bros entrega potência na casa dos 14 cavalos e com seu câmbio curto de cinco marchas, adaptado para o fora de estrada, a deixa bem ágil no trânsito, mas não na estrada.

Bros 160
Bros 160

Mesmo após a chegada da XRE 190, a NXR 160 Bros manteve sua atratividade por conta do preço menor e pela economia, além de sua suspensão elevada e com balança traseira monoamortecida.

Inicialmente com disco de freio dianteiro, a Bros 160 ganhou disco traseiro e se modernizou, tornando-se ainda mais atrativa para o consumidor, sendo hoje uma moto com preço sugerido de R$ 17.690.

Veja também nossa outra página sobre a Honda Bros.

Bros 160 – detalhes

Desde 2015, a Bros 160 tem o mesmo visual, não tendo mudado de geração, com seu lançamento na metade da década passada com três versões disponíveis, todas relacionadas com o sistema de freios.

A Bros 160 tinha versões ES com freio dianteiro a tambor de 130 mm, bem como a ESD com disco dianteiro ventilado de 240 mm e, por fim, a versão posterior ESDD com disco traseiro de 220 mm.

Honda Bros 160
Honda Bros 160

O propulsor monocilíndrico de 4 tempos já tinha injeção eletrônica flex com 14,5 cavalos na gasolina e 14,7 cavalos no etanol, além de 1,43 kgfm no primeiro e 1,60 kgfm no segundo.

Com câmbio de 5 marchas, a Bros 160 mantém o farol simples com formato quase quadrado, com carenagem envolvente e painel digital com luzes-espia, velocímetro, conta-giros e nível de combustível.

O guidão largo facilita a condução no fora de estrada, mas não sendo muito prático na cidade, mas ainda assim com tamanho aceitável para se andar entre os carros.

O tanque de combustível tem 12 litros e aletas laterais alongadas para melhorar a aerodinâmica e também a estética, enquanto o banco duplo é espaçoso para duas pessoas viajarem com conforto.

Na rabeta, suporte para bauleto, assim como alças de liga leve para o passageiro, com a lanterna traseira convencional, assim como piscas em hastes laterais.

Honda Bros 160
Honda Bros 160

Com para-lama não tão pronunciado, a Bros 160 tem suporte de placa com iluminação e refletor, assim como molduras largas nas laterais sob o banco duplo.

O escapamento com silencioso volumoso e protegido com sistema anti-térmico, além de pedaleiras retráteis para o garupa.

A suspensão traseira da Bros 160 tem balança monoamortecida com coroa, corrente e pinhão, além de freio a tambor de 130 mm ou disco ventilado com 220 mm, tendo esta pinça de pistão único.

Na frente, a suspensão tem bengalas longas com proteção, além de freio a tambor de 130 mm no modelo antigo ou disco ventilado com 240 mm com pinça de pistão duplo, enquanto o para-lama alto é bem no off-road.

Em 2017, a Honda introduziu obrigatoriamente os freios CBS, sendo os freios combinados, impostos em motos de até 300 cm³.

Honda Bros 160
Honda Bros 160

Assim, ao se acionar a manete ou o pedal de freio, ambos são acionados e na linha 2017, a Bros 160 passou a dispor dessa tecnologia, hoje comum nas motos pequenas.

Dois anos depois, a Honda eliminou as versões ES e ESD da gama da Bros 160, que continuou somente com a ESDD, que permanece até hoje.

Ela mudou somente de cor e grafismos desde 2019, mas o modelo 2022 recebeu proteção sanfonada das bengalas dianteiras.

Por ora, a Honda não dá pistas sobre uma nova geração, um produto que atualmente é difícil de conceber em uma roupagem mais moderna, já que o conjunto se mostra bem-adaptado à proposta.

Tudo dependerá, contudo, da atualização da Titan 160 que, essa sim, precisa se modernizar para conter a concorrência de motos como a Yamaha FZ15.

As possíveis alterações mecânicas da CG 160 serão certamente absorvidas pela Bros 160, que continuará um bom tempo como produto de acesso do fora de estrada sobre duas rodas da Honda.

Mesmo com quase 10 anos nas costas, isso considerando somente com o uso do motor de 160 cilindradas, a Bros parece ter ainda muita lenha para queimar e muita terra para levantar no fora de estrada.

Bros 160 – versões

  • Honda NXR 160 Bros ES
  • Honda NXR 160 Bros ESD
  • Honda NXR 160 Bros ESDD

Bros 160 – equipamentos

Honda NXR 160 Bros – Motor de 160 cilindradas e câmbio de cinco marchas, painel digital, rodas de aço raiadas de aro 19 polegadas na frente e 17 polegadas atrás, pneus 90/90-19 na frente e 100/90-17 atrás, freio a tambor nas duas rodas, partida elétrica, ignição eletrônica e injeção eletrônica.

Honda NXR 160 Bros ESD – Itens acima, mais freio a disco na roda dianteira.

Honda NXR 160 Bros ESDD – Itens acima, mais freio a disco traseiro, sistema de freios combinados CBS.

Bros 160 – preços

  • Honda NXR 160 Bros 2016 – R$ 13.530
  • Honda NXR 160 Bros ESD 2015 – R$ 13.199
  • Honda NXR 160 Bros ESDD 2023 – R$ 20.308

(*) Preços da tabela Fipe – julho/2023.

Bros 160 – motor

honda nxr 160 bros 2022 9

A Bros 160 tem motor monocilíndrico de quatro tempos com refrigeração a ar, tendo cabeçote com comando OHC acionado por corrente e com duas válvulas.

Com injeção eletrônica de combustível PGM-FI, o propulsor de 162,7 cm³ tem taxa de compressão de 9,5:1, entregando 14,5 cavalos na gasolina e 14,7 kgfm no etanol,  ambos a 8.500 rpm.

Já os torques são de 1,43 kgfm no derivado de petróleo e 1,60 kgfm no combustível vegetal, ambos a 5.500 rpm.

O câmbio cíclico tem cinco velocidades e embreagem multidisco em banho de óleo com acionamento mecânico por cabo de aço.

Bros 160 – desempenho

  • Honda Bros 160 – 0 a 100 km/h – 9,7 segundos
  • Honda Bros 160 – velocidade máxima – 110 km/h

Bros 160 – consumo

  • Honda Bros 160 – urbano – 35 km/l
  • Honda Bros 160 – rodoviário – 46 km/l

Bros 160 – ficha técnica

Motor160
Tipo
Número de cilindros1 em linha
Cilindrada em cm3162,7
Válvulas2
Taxa de compressão9,5:1
Injeção eletrônicaIndireta
Potência máxima14,5/14,7 cv a 8.500 rpm (gasolina/etanol)
Torque máximo1,46/1,60 kgfm a 5.500 rpm (gasolina/etanol)
Transmissão
Tipo5 marchas
Tração
TipoCorrente e pinhão
Partida
TipoElétrica
Freios
TipoDisco dianteiro de 240 mm e disco traseiro com 220 mm
Suspensão
DianteiraGarfo telescópico
TraseiraBalança monoamortecida
Rodas e Pneus
RodasAço raiado aro 18 polegadas na frente e aço raiado aro 18 polegadas atrás
Pneus90/90-19 na frente e 110/90-17 atrás
Dimensões
Comprimento (mm)2.067
Largura (mm)0.810
Altura (mm)1.151
Entre eixos (mm)1.356
Capacidades
Bagageiro (L)ND
Tanque de combustível (L)12,0
Carga (Kg)ND
Peso em ordem de marcha (Kg)122
Coeficiente aerodinâmico (cx)ND
google news2Quer receber todas as nossas notícias em tempo real?
Acesse o nosso exclusivo Canal do Telegram!
CategoriasSem categoria

O que você achou disso?

Toque nas estrelas!

Média da classificação / 5. Número de votos:

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.


Avatar photo
Autor: Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 27 anos. Há 16 anos trabalha como jornalista no PG jogos, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações.

PG jogos Mapa do site