PG jogos

Gol Plus 1995 a 2008: gerações, preços, motor, detalhes

gol plus 1

O Gol Plus foi uma versão do hatch compacto da Volkswagen a partir de 1995, indo até 2008, passando pelas gerações Gol G2, Gol G3 e Gol G4.

A versão Plus tinha sempre um conteúdo melhor que as versões de entrada, tendo em geral, o chamado “kit visibilidade”, que consistia em lavador, limpador e desembaçador traseiro, assim como vidros verdes.

Também ajustes internos dos retrovisores externos e ar quente, podendo ter ainda direção hidráulica, ar condicionado, vidros elétricos dianteiros e travas elétricas, entre outros.

O Volkswagen Gol Plus teve ainda motores 1.0 8V, 1.0 16V e 1.6 8V, tendo três famílias diferentes de propulsores, sendo elas CHT (AE-1000), EA111 (AT-1000) e EA827 (AP-1600).

A Plus se iniciou numa época em que o Gol mudou de geração pela primeira vez e seguiu até chegar ao modelo 2003, quando teve três opções de motor, mas não exatamente todos os citados acima.

Gol Plus – detalhes

gol plus 3.jpg

O Gol Plus foi uma versão que foi da mudança de geração do Gol do quadrado para o G2, saindo da Autolatina e deixando para trás o vetusto motor da Renault, o Cléon-Fonte vendido como Ford CHT.

Ele passou ainda pelo AP-1600 já na geração G3, inclusive com tecnologia flex, além do AT-1000, o 1.0 da família EA111, tendo versões 8V e 16V.

O Plus saiu de um pacote básico no Gol 1000i, passando pelo G3 “com tudo dentro”, onde ressurgiu com 16V e depois chegou a ter três opções de motor.

Contudo, a simplificação do Gol com o G4, o Plus também perdeu conteúdo e praticamente voltou aos anos 90, oferecendo poucos itens.

No mercado, o Gol Plus ainda é uma opção atraente para quem busca um carro simples, com baixo custo de manutenção e econômico, especialmente se estiver em condições excelentes, como no vídeo abaixo.

Gol Plus – preços

  • Gol Plus 1995 – R$ 7.857
  • Gol Plus 1996 – R$ 9.687
  • Gol Plus 1997 – R$ 9.961
  • Gol Plus 1998 – R$ 9.413
  • Gol Plus 1999 – R$ 11.365
  • Gol Plus 2000 – R$ 10.268
  • Gol Plus 2001 – R$ 11.415
  • Gol Plus 2002 – R$ 11.773
  • Gol Plus 2003 – R$ 13.292
  • Gol Plus 2004 – R$ 13.740
  • Gol Plus 2005 – R$ 15.624
  • Gol Plus 2006 – R$ 18.097
  • Gol Plus 2007 – R$ 18.608
  • Gol Plus 2008 – R$ 22.166

(*) Tabela Fipe – fevereiro de 2023.

Gol Plus – G2

gol plus 9

O Gol Plus G2 surgiu a partir do conhecido Gol 1000i, que aproveitou as sobras de motores CHT da Ford em fim da Autolatina, sendo usado com injeção monoponto, diferente do Ford Escort Hobby, que era carburado.

O hatch da VW tinha visualmente para-choques pretos, logo “Plus”, rodas de aço aro 13 polegadas com calotas metálicas, limpador e lavador do vidro traseiro, desembaçador traseiro, vidros verdes e retrovisores externos com controle interno.

Vidros traseiros basculantes, maçanetas e retrovisores pretos, bem como frisos pretos, pneus 155/80 R13, banco traseiro bipartido, ventilador, bancos em tecido cinza, volante de dois raios, entre outros.

O Gol Plus G2 tinha motor AE-1000 com 49,8 cavalos e 7,3 kgfm, com o qual começou em 1995. Contudo, o propulsor foi trocado pelo AT-1000 da família EA111 no modelo 1998.

Com ele, o Gol Plus G2 passou a ter 62,5 cavalos e 9,1 kgfm, sendo essa a única alteração de grande monta no modelo, que passou logo para a geração G3.

Gol Plus – G3

gol plus 7

O Gol Plus continuou com a atualização G3, tendo versões de duas ou quatro portas, além de motorização AT-1000 16V e conteúdo muito melhor com as características incomuns dessa “geração” do Gol.

Assim como outras opções do Gol G3, o Gol Plus também pôde ser adquirido com quase tudo dentro, o que foi um salto enorme para a versão, até então resumida em poucos equipamentos e caracterizada pela simplicidade.

O Gol Plus G3 podia ser equipado com bem mais que o tal “kit visibilidade”, tendo entre os vários opcionais, rodas de liga leve aro 14 polegadas com pneus 185/60 R14, faróis de neblina, faróis duplos e grade e retrovisores na cor do carro.

O Plus podia ter também defletor de ar no teto na cor do carro, assim como escape esportivo. Por dentro, essa versão do Gol tinha painel moderno para a época, com possibilidade de airbag duplo.

Já o cluster tinha conta-giros, tendo ainda sistema de áudio com toca-fitas, tendo ainda vidros elétricos nas quatro portas com comandos no painel, além de retrovisores elétricos e travas elétricas.

Chave canivete com comando de travas e vidros, tendo bancos com padronagem em dois tons, tendo ainda banco do motorista com ajuste em altura e cintos com pré-tensionadores, além de freios ABS com EDB.

O motor AT-1000 16V tinha 999 cm³ com duplo comando no cabeçote, tendo 70 cavalos e 9,4 kgfm, além de câmbio manual de cinco marchas.

Em 2003, o Gol Plus G3 teve ainda as opções de motor 1.0 8V e 1.6 8V. No primeiro, o AT-1000 8V entregava 65 cavalos e 9,1 kgfm, enquanto o 1.6 8V (AP) tinha 97 cavalos e 14,1 kgfm.

Nessa mesma época, o 1.0 16V atingia 76 cavalos e 9,7 kgfm, com a chegada do Total Flex a partir do 1.6 8V já em fins de 2003, passando a ter 99 cavalos no álcool.

Gol Plus – G4

gol plus 4

Já o Gol Plus G4 surgiu da simplificação do Gol, perdendo motores 1.0 16V e 1.6 8V, ficando apenas com o 1.0 8V, porém, flexível em combustível.

Com 68 cavalos na gasolina e 71 cavalos no etanol, mantendo o câmbio manual de cinco marchas.

Mais simples, o Gol Plus G4 tinha para-choques em parte na cor do carro e em parte preta, com faróis escurecidos.

Tendo rodas de aço aro 14 polegadas com pneus 185/60 R14, bem como calotas exclusivas.

Dentro, o volante de três raios já não comportava mais airbag do motorista, assim como não havia mais airbag do passageiro e nem cintos pré-tensionados.

Com painel simples, tendo cluster compacto no estilo do VW Fox, além de difusores de ar circulares, preparação para som, porta-copo, tendo o chamado kit visibilidade, mais vidros elétricos, travas elétricas, ar condicionado e direção hidráulica, todos opcionais.

Findando o Gol G4, a versão Plus deixou de ser oferecida com a mudança de geração do Gol, passando o G4 a ter versão única, encerrando assim a carreira do Plus.

Gol Plus – motor

gol trend motor

O Gol Plus teve motores AE-1000, um Ford CHT com injeção eletrônica e 49,8 cavalos a 5.800 rpm e 7,3 kgfm a 3.500 rpm, com o AT-1000 (EA111) tendo 62,5 cavalos a 5.400 rpm e 9,1 kgfm a 3.800 rpm.

No G3, esse propulsor teve adição do 1.0 16V, que tinha 70 cavalos a 5.750 rpm e 9,4 kgfm a 4.500 rpm, passando depois para 76 cavalos a 6.000 rpm e 9,7 kgfm a 4.500 rpm.

Com tecnologia flex, no etanol entregava 71 cavalos e na gasolina com 68 cavalos, ambos a 5.750 rpm e com torques de 9,7 kgfm no primeiro e 9,4 kgfm no segundos, ambos a 4.250 rpm.

O motor 1.6 (AP-1600) foi incluído no Gol Plus ainda como G3 e com 97 cavalos a 5.750 rpm e 14,1 kgfm a 3.000 rpm, com tecnologia flex adicionando 99 cavalos e 14,3 kgfm no etanol.

A transmissão era manual de cinco marchas com embreagem de acionamento mecânico.

Gol Plus – fotos

google news2Quer receber todas as nossas notícias em tempo real?
Acesse o nosso exclusivo Canal do Telegram!

O que você achou disso?

Toque nas estrelas!

Média da classificação / 5. Número de votos:

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.


Avatar photo
Autor: Ricardo de Oliveira

Técnico mecânico, formado há 27 anos. Há 16 anos trabalha como jornalista no PG jogos, escreve sobre as mais recentes novidades do setor, frequenta eventos de lançamentos das montadoras e faz nossos testes e avaliações.

PG jogos Mapa do site