PG jogos

Estepe fino/temporário: 7 dúvidas frequentes respondidas

estepe fino temporario

Lá por volta do ano de 2012, o estepe fino ou temporário começava a chegar aos carros mais comuns no Brasil, como por exemplo o Honda Civic, o Ford New Fiesta e também o Chevrolet Cobalt.

Hoje em dia, ele se tornou bem comum, mas ainda existem algumas dúvidas a respeito deste tipo diferente de estepe.

Por isso, vamos ver todos os detalhes a respeito do estepe temporário, ou estepe fino.

Confira:

Porque o estepe fino começou a ser usado?

Ele foi instituído pela indústria automotiva pois é muito raro que pneus novos instalados em um carro novo acabem tendo algum furo, então acabava sendo um desperdício ter no carro o tempo todo um quinto conjunto completo, com roda e pneu do mesmo tamanho dos demais.

As vantagens do estepe fino/temporário

O estepe fino é primeiramente uma solução para se obter mais espaço no porta-malas.

Um caso bem conhecido do mercado é o do Jeep Renegade. Ele tinha porta-malas com 260 litros de espaço, até mudar o tipo de estepe, o que melhorou o espaço ali para 320 litros. Ainda é um porta-malas bem pequeno, mas a melhoria foi notável.

O estepe temporário também ajuda a se reduzir o peso total do carro, ajudando, nem que seja de maneira pequena, no consumo.

O conjunto fino pesa em torno de 10 a 13 quilos, ao passo que o conjunto normal pesa entre 18 e 25 quilos.

O consumo pode melhorar pouca coisa no uso de apenas um dia, mas se a melhora de um ano inteiro for computada, poderemos chegar a um valor razoavelmente expressivo.

Outra coisa em que o estepe fino ajuda é na redução dos furtos.

Os estepes normais são muito cobiçados pelos ladrões, pois eles podem ser vendidos normalmente. Já um estepe temporário não pode ser usado no dia-a-dia em um outro carro, limitando seu apelo no mercado cinza.

estepe temporario fino

Quanto tempo posso rodar com o estepe temporário?

O estepe fino ou temporário deve ser usado por no máximo 80 quilômetros sem parar.

Acima dessa distância, ele corre o risco de explodir, pois ele suporta todo o peso do carro em uma área bem menor, e também usa uma calibragem com pressão bem mais alta que os outros pneus.

Se for necessário o usar mais tempo ou uma distância maior, é bom parar o carro em um local seguro e esperar um tempo razoável para que ele se esfrie, e só então continuar o percurso.

É claro que esta situação seria incomum, pois é difícil estarmos com um pneu furado e não conseguir encontrar uma borracharia ou centro de serviços automotivos em 80 quilômetros rodados.

Qual é a velocidade máxima que posso andar quando rodar com o estepe temporário?

Sobre a velocidade e a distância percorridos, existe uma regra chamada de 80/80, ou seja, rode no máximo 80 quilômetros, a uma velocidade máxima de 80 km/h.

Esse ponto da velocidade é importante de ser notado, pois quanto maior a velocidade, mais o pneu se esquenta, então novamente temos o risco de explosão do pneu se a velocidade for muito alta.

Quantas libras devo usar ao calibrar o estepe fino?

Normalmente, se indica que o estepe temporário seja calibrado com 60 libras.

O caso específico do seu carro pode ser um pouco diferente, mas falamos deste número genérico de 60 libras pois muitos destes pneus tem essa informação escrita na banda lateral do pneu, o que indica que a pressão de 60 libras serve para vários modelos de veículos diferentes.

E isso muitas vezes é completamente ignorado pelo proprietário do carro. Recentemente, um membro de nossa equipe, ao comprar um carro usado ano 2020 com estepe temporário, agora no ano de 2023, quando foi verificar a pressão em que ele estava, notou que eram 21 libras, sendo que o correto seria 60.

Muito provavelmente o dono anterior do carro nunca se lembrou de calibrar este pneu, nem mesmo a concessionária, pois a última revisão a que o carro tinha passado tinha sido feita três meses antes. Se o pneu tivesse sido calibrado, não teria caído de 60 para 21 libras neste espaço de tempo, com certeza.

Imagine então o sufoco se o carro tivesse um pneu furado e essa pressão completamente incorreta fosse notada somente neste momento?

estepe fino

Qual é geralmente a medida do estepe fino?

Isso varia de modelo para modelo, por exemplo, no caso dos modelos da Chevrolet, Onix, Spin, Cobalt, Sonic e Agile, ele tem tamanho 115/70 R16.

No caso do Jeep Renegade, a medida é de 145/70 R17, ao passo que no Honda Fit a medida é 135/80 R15.

Para o Hyundai i30 é 125/80 R15, para Tiguan, Jetta e Q3 é 145/80 R18, para o Duster é 145/90 R16 e para o trio Strada, Punto e 500 é 115/70 R16.

Nota-se que são medidas mínimas, que poderiam ser maiores se as montadoras não quisessem economizar tanto.

Uma medida 115 significa que o pneu tem apenas 11,5 centímetros de largura.

O pneu fino atrapalha em acelerações e frenagens?

Como você deve ter imaginado, sim, pois a área de contato do pneu com o solo é muito menor, entregando uma aderência muito menor.

No caso de frenagem de emergência com o pneu temporário, o carro que tiver sistema de freios ABS vai trabalhar para corrigir a trajetória.

Já no caso do carro que não tem esse equipamento, geralmente fabricado de 2013 para trás, a situação fica mais complicada.

Testes feitos por publicações automotivas no passado dão conta de que a distância de parada é prejudicada em pelo menos 10%.

Ou seja, se o carro leva 30 metros para parar, de 80 km/h até a imobilidade, esse espaço aumentará para 33 metros.

O que indica que quando você estiver rodando com este estepe, é melhor andar bem devagar, tranquilamente e atento ao trânsito, sem exagerar em acelerações e frenagens.

Existem outras soluções adotadas para se poupar espaço e peso no carro?

Sim,alguns carros com pneus muito grandes tem um espaço no porta-malas que abriga o estepe somente se ele estiver completamente murcho, para poupar espaço.

Mas uma outra solução é muito mais usada hoje em dia, que é o pneu “run flat”.

Esse nome significa que mesmo furado ele continua podendo rodar. Em alguns casos a distância permitida a se rodar com o pneu furado chega a ser de 150 quilômetros. Mas sempre no máximo a 80 km/h, assim como acontece no caso do estepe fino.

O problema deste tipo de pneu é que ele é extremamente caro.

Pneus originais usados por modelos da BMW e Mercedes, por exemplo, tem preço na faixa dos R$ 2.500 a unidade, sendo que um pneu similar da mesma marca e sem ser run flat custa muito menos, R$ 1.500 ou até menos.

E estes pneus se desgastam mais rápido, tornando seu uso ainda mais caro.

E no final, quem paga a conta sempre é o consumidor.

google news2Quer receber todas as nossas notícias em tempo real?
Acesse nossos exclusivos: Canal do WhatsappeCanal do Telegram!

O que você achou disso?

Toque nas estrelas!

Média da classificação / 5. Número de votos:

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.


Últimas Notícias



Autor: Eber do Carmo

Fundador do PG jogos, com atuação por três décadas no segmento automotivo, tem 18 anos de experiência como jornalista automotivo no PG jogos, desde que criou o site em 2005. Anteriormente trabalhou em empresas automotivas, nos segmentos de personalização e áudio.

PG jogos Mapa do site